Aposentadoria por Tempo de Contribuição 2022: Cálculo, Tempo, Idade

Como fica a Aposentadoria por tempo de contribuição após as reformas que aconteceram em 2019? Embora já tenha passado algum tempo, é muito comum as dúvidas referentes a aposentadoria e suas novas regras. Pensando nisso, abaixo você vai entender tudo sobre aposentadoria por tempo de Contribuição 2022. Vamos lá!

Aposentadoria por tempo de contribuição

Hoje em dia, com a reforma, temos informações variadas na internet, incluindo sobre todas as modalidades da aposentadoria. Entretanto, a mais buscada é de longe a aposentadoria por tempo de contribuição, pois, até o momento, é a que mais afetou o dia a dia do brasileiro que está prestes a se aposentar.

Pensando justamente na Aposentadoria por tempo de contribuição, preparamos algumas perguntas frequentes, porém, pouco respondidas sobre o tema.

✅ Confira também outras modalidades de aposentadoria disponíveis:

O que é a Aposentadoria por tempo de contribuição?

Atualmente, tanto as pessoas que fazem parte do Regime CLT, como para as pessoas que contribuem diretamente para a Previdência Social, possuem duas formas de se aposentar:

  • Tempo de Contribuição;
  • Idade Mínima;

No caso do tempo de contribuição, nada mais é que um benefício previdenciário conhecido para as pessoas que contribuíram um determinado período para a previdência.  

Dessa forma, assim que chega no tempo de contribuição, o beneficiário tem o direito de dar entrada para receber o que é seu de direito. Entretanto, dentro das regras, é possível que o mesmo consiga o valor integral ou proporcional com base na contribuição.

Qual o Tempo de Contribuição Necessário?

Após as reformas, a Aposentadoria por tempo de contribuição sofre mudanças em relação ao tempo de contribuição. Atualmente, o tempo necessário para quem deseja se aposentar de forma integral é:

  • Homens: 35 anos de Contribuição e 189 meses de carência (mínimo);
  • Mulheres: 30 anos de Contribuição e 180 meses de carência (mínimo).

Entretanto, dentro das regras desse regime de previdência, também é possível se aposentar de modo proporcional, que é considerada uma aposentadoria de transição. No caso, pessoas que começaram a contribuir antes de 1998.

Homens:

  • Contribuição antes de 16/12/98
  • Idade mínima de 53 anos
  • 30 anos de contribuição + 40% do pedágio;

Mulheres:

  • Contribuição antes de 16/12/98;
  • Idade mínima de 48 anos;
  • 25 anos de contribuição + 40% do pedágio.

Como Calcular a Aposentadoria por tempo de contribuição?

Na hora de calcular a Aposentadoria por tempo de contribuição, é importante ter em mente alguns dados, como a idade mínima e o período de contribuição, por exemplo.

Já o valor da aposentadoria, ela é baseada na média de todos os salários, todavia, agora, o cálculo é baseado nos 80% maiores, sendo assim, é importante excluir os 20% menores.

Felizmente, para facilitar o cálculo da aposentadoria por tempo de contribuição, atualmente pelo próprio MEU INSS 2022 é possível efetuar essa simulação.

Quais os Documentos Obrigatórios

  • CPF;
  • RG;
  • Comprovante de residência (atualizado)
  • Certidão de nascimento ou casamento;
  • PIS/PASEP e NIT (Número de Identificação do Trabalhador);
  • Carteiras de trabalho;
  • Carnês de contribuição;
  • Certidão de Tempo de Contribuição (CTC).

Lembre-se, essa é a documentação padrão, entretanto, dependendo da área que o mesmo atua e do tipo de aposentadoria, é importante verificar as demais documentações exigidas no momento da solicitação.

Deixar uma resposta