Pensão Por Morte 2022: Regras, Valores, Duração

A Pensão Por Morte 2022 é um direito que resguarda estabilidade e segurança financeira para familiares de pessoas que venham a falecer. No entanto, há critérios para se encaixar na solicitação do benefício.

O valor é pago pela previdência social. Portanto, quem deixa essa pensão por morte para seus dependentes são os contribuintes que efetivamente pagam o INSS.

Pensão por morte
Pensão por Morte

Pensão Por Morte 2022 o que é?

A Pensão Por Morte 2022 é um dinheiro que é disponibilizado para dependentes de pessoas que vieram a óbito. No entanto, é preciso que o falecido ou a falecida seja contribuinte da Previdência Social.

É da Previdência que sai os valores para arcar com essa pensão. A pensão tem como finalidade garantir que dependentes consigam manter o padrão de vida caso o provedor faleça.

Quem tem Direito a Pensão por Morte?

É importante ficar atento pois existem alguns requisitos básicos que são considerados para liberação da Pensão Por Morte 2022. Veja a seguir quem tem direito a esse benefício:

  • Filhos até 21 anos de idade;
  • Filhos com invalidez ou deficiência independentemente da idade;
  • Marido ou mulher, companheiro (a) em união estável, cônjuge divorciado ou separado judicialmente que recebia pensão alimentícia;
  • Pais que comprovem dependência econômica do filho falecido;
  • Irmãos até 21 anos de idade que comprovem dependência econômica;
  • Irmãos de qualquer idade que comprovem deficiência ou invalidez.

Esses são os casos em que os entes podem solicitar a Pensão Por Morte 2022. Lembre-se que em todos os casos serão exigidos documentos comprobatórios.

Como Solicitar Pensão por Morte?

Para fazer a solicitação é preciso baixar o aplicativo do MEU INSS ou realizar uma ligação para o telefone 153.

Em qualquer uma das opções basta seguir as orientações a respeito dos documentos necessários e comprovações essenciais para ter acesso a pensão.

Pensão por Morte Documento Necessários

Um dos pontos mais importantes para ter a Pensão Por Morte 2022 liberada é a reunião dos documentos adequados.

A lista é bastante extensa, por isso, vale a pena reunir todos os documentos antes de dar entrada em sua solicitação.

  • Certidão de óbito ou documento que comprove a morte presumida;
  • Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT) para morte em decorrência de acidente de trabalho;
  • Comprovantes da condição de dependente do solicitante (certidão de nascimento, certidão de casamento, conta bancária conjunta, entre outros)
  • Documentos pessoais com foto do dependente e do segurado que morreu;
  • Carnê de recolhimento de contribuição, Comprovante de pagamento de GPS Online, extrato de contribuição ou outro documento que comprove a relação com o INSS.

É possível fazer a solicitação através de um procurador. Nesse caso também serão solicitados todos os documentos anteriores.

Tabela de Valor Pensão por Morte

O cálculo para valor Pensão Por Morte 2022 considera o valor que o falecido recebia de aposentadoria. Caso ele ainda não fosse aposentado, vale o valor que ele receberia hoje se estivesse nessa condição.

Deste valor, o beneficiário receberá 50% + 10% por cada dependente, sendo o limite 100% do valor da aposentadoria de direito do contribuinte que veio a óbito. Veja a tabela do INSS a seguir:

Quantidade de Dependentes Porcentagem que os dependentes terão direito
1 60%
2 70%
3 80%
4 90%
5 ou mais 100% (limite)

Agora ficou mais claro? A Pensão Por Morte 2022 é um direito e deve ser respeitado. Portanto, se você e encaixa nos requisitos faça a sua solicitação.

Deixar uma resposta