Abdominoplastia pelo SUS 2022: Como fazer cirurgia plástica gratuita

Como fazer Abdominoplastia pelo SUS 2022? Hoje em dia, 1 em cada 5 brasileiros se encontra em algum grau de obesidade. Porém, após um duro período de emagrecimento, principalmente em caso de Abdominoplastia pelo SUS 2022, é comum que fique pela sobrando na região do abdômen. 

Todavia, embora seja um dos procedimentos mais caros, assim com a bariátrica, o Sistema Único de Saúde também cobre todo o perecimento da Abdominoplastia pelo SUS. Como? Você vai ver abaixo.

O que é uma Abdominoplastia?

Como citado anteriormente, após emagrecer, principalmente de um grau de obesidade muito elevado, a tendência é que a pele não volte por completo e consequentemente fique sobrando.

Embora isso não tenha um impacto na saúde física, o mesmo afeta e muito a saúde emocional do paciente. Sendo assim, a Abdominoplastia pelo SUS 2022 consiste na retirada de todo o tecido em excesso localizado na região abdominal.

Todavia, é importante ter em mente que esse tipo de cirurgia tem grau médio de risco para o paciente, risco que pode aumentar de acordo com a saúde do mesmo.

✅ Veja também o que são esses procedimentos oferecidos pelo SUS:

Abdominoplastia pelo SUS

Para quem deseja fazer a Abdominoplastia pelo SUS, é preciso estar dentro de alguns requisitos, pois, como citado no início do artigo, essa é uma das cirurgias estéticas mais caras do mercado.

Porém, como o Sistema Único de Saúde (SUS) paga 100% do procedimento, é de suma importância ficar atento aos requisitos estabelecidos pelo Ministério de Saúde. Hoje em dia, esse procedimento é indicado nos casos mais graves, onde a pele está causando problemas de saúde e principalmente afetando o bem-estar do paciente.

Mas lembre-se, essa cirurgia é extremamente cara, podendo chegar a R$30 mil. Portanto, se sua intenção é retirar a pele somente para fins estéticos, sua solicitação não será aprovada, ok?

Requisitos

  • Cartão SUS (Atualizado);
  • Maior de 18 anos;
  • Ter todos os exames pré-operatórios;
  • Estar dentro das especificações do SUS e do Ministério da Saúde;
  • Não ter vícios em bebidas, cigarros outras drogas;
  • Não utilizar nenhum tipo de medicamentos coagulantes.

Quem tem direito

O Sistema Único de Saúde está disponível para todos os brasileiros, independentemente de qualquer coisa. Todavia, para ter acesso a Abdominoplastia pelo SUS, é de suma importância estar dentro dos requisitos estabelecidos.

Todavia, para a mesma ser aprovada, é importante se consultar com um médico do próprio SUS para o mesmo encaminhar você (ou não) para a cirurgia.

✅ Saiba também as regras de quem tem direito a essas cirurgias pelo Sistema único de Saúde:

Riscos da Abdominoplastia

Embora o SUS tenha ótimos profissionais, existem riscos que podem ocorrer durante e principalmente após a cirurgia. Além disso, é importante lembrar que o risco aumenta dependendo da saúde do paciente.

Sendo assim, para evitar os riscos abaixo, seguir exatamente o que o médico responsável fala, é fundamental.

  • Infecções;
  • Erros médicos;
  • Abertura dos pontos (pós operatório);
  • Fibrose;
  • Necrose;
  • Hematomas;
  • Etc.

Como dar Entrada na Abdominoplastia pelo SUS

Por fim, com a finalidade de solicitar a sua Abdominoplastia pelo SUS, é preciso seguir alguns passos. Em primeiro lugar, é preciso marcar a sua consulta em um hospital público da sua cidade.

Em seguida, diga o seu problema ao médico e o mesmo vai pedir alguns exames para verificar se a mesma será necessária. Caso seja aprovada, você vai fazer uma bateria completa de exames caso tudo esteja dentro do esperado, a Abdominoplastia pelo SUS será marcada ou colocada na fila de espera.

Deixar uma resposta