Como gerar GPS 2022: Em atraso, GPS Online, Códigos, Boleto

Descubra Como gerar GPS 2022 e o pagamento dela varia em cada caso. Contribuintes facultativos, por exemplo, devem efetuar o pagamento da guia em atraso apenas se o vencimento não tiver acontecido há mais de 06 meses.

Após esse período, o contribuinte deverá contribuir apenas quando ele puder comprovar que é um trabalhador ativo. Caso ele faça o contrário, a sua contribuição não será contabilizada pelo INSS.

Como Gerar GPS
Como Gerar GPS

O que é GPS

A Guia da Previdência Social é o documento que o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) utiliza para recolher as contribuições dos trabalhadores brasileiros.

A GPS deve ser paga por todo trabalhador, seja autônomo, facultativo, empregado domésticos ou funcionário de uma empresa. No entanto, não são todos os casos em que a pessoa terá que lidar diretamente com isso. Veja, abaixo, quem deve emitir o documento em cada caso.

  • Empresa/empregador: A empresa ou o empregador será o responsável por emitir a Guia da Previdência Social para funcionários registrados, para funcionários temporários e para funcionários de uma empresa brasileira que atua fora do país;
  • Empregador domésticos: O empregador doméstico deverá quitar a Guia da Previdência Social para os seus funcionários domésticos por meio do Simples Doméstico (desde que o empregador não possua fins lucrativos);
  • Próprio indivíduo: A emissão e o pagamento da GPS será de responsabilidade do próprio indivíduo quando ele for autônomo, médico, odontologista, motorista de aplicativo, músico, tatuador, trabalhador rural, pescados, entre outros;
  • Facultativo: Pessoas que não tenham uma fonte de renda [como estudantes ou donos(as) de casa e que possuam mais de 16 anos de idade.

Como Emitir a Guia do INSS Online

A Guia da Previdência Social pode ser emitida pela internet. O passo a passo é simples e rápido, veja-o exemplificado a seguir.

  • Acesse a página da Receita Federal para emissão da GPS Online;
  • Indique o módulo em que você se encaixa (filiado antes de 1999, filiado a partir de 1999 ou empresas/órgãos públicos);
  • Indique a categoria em que você se encaixa;
  • Informe o seu NIT, PIS ou PASEP;
  • Insira a numeração do captcha (anti spam) indicado;
  • Aperte em “confirmar”;
  • Informe todos os dados solicitados (endereço, nome, telefone de contato, código e demais dados);
  • Confira tudo que foi inserido;
  • Aperte em “gerar GPS”.

Como Emitir a Guia do INSS em Atraso

A Previdência Social consiste em um seguro social de caráter público que assegura aos trabalhadores brasileiros uma renda mensal a partir do momento em que eles se aposentarem. Para ter direito a esse benefício, o trabalhador deverá contribuir mensalmente durante o período em que permanecer trabalhando de forma ativa.

Essas contribuições são emitidas por meio da Guia da Previdência Social, mais conhecida como GPS. Neste texto, daremos todos os detalhes que você precisa conhecer sobre esse documento, além de como emiti-lo e onde pagá-lo.

Autônomos e afins, por sua vez, poderão atualizar o pagamento das guias a qualquer momento, desde que o atraso não seja superior a 05 anos. Cumprindo essa condição, basta o trabalhador seguir o passo a passo mostrado acima para emitir os boletos de pagamento atualizados com os juros e as multas.

Se o atraso for superior a 05 anos ou se o contribuído quiser quitar um período de atraso da GPS que antecede a data em que se cadastrou na Previdência Social, ele deverá comprovar para o INSS que estava trabalhando nessa época. Caso isso não seja possível, o órgão não irá contabilizar esse período de trabalho, mesmo que as contribuições sejam pagas.

Como Calcular GPS

O cálculo da GPS é realizado de maneira automática pelo site da Receita Federal no momento em que o trabalhador solicita a emissão da guia. Porém, mesmo que o computador não erre o cálculo, podem acontecer falhas, uma vez que os dados são informados pelo contribuinte. Nesses casos, é importante requisitar uma RetGPS (Retificação de GPS), clicando aqui.

Agora, se você deseja calcular as taxas referentes ao atraso das guias do INSS, basta saber que é cobrado 0,33% sobre o valor original. Esses juros começam a ser contabilizados a partir do dia em que o documento venceu, e caso o pagamento não seja atualizado, essa taxa segue aumentando até atingir a quantia correspondente a 20% do valor original.

Como pagar a Guia do INSS?

O pagamento da Guia da Previdência Social pode ser realizado em agências bancárias, em casas lotéricas ou em demais correspondentes bancários.

O contribuinte também pode efetuar o pagamento por meio do internet banking, na comodidade de sua casa.

Basta que ele insira o código de barras da guia no aplicativo de seu banco, efetue o pagamento e guarde os comprovantes.

Canais de Comunicação GPS

Caso ainda reste alguma dúvida sobre a Guia da Previdência Social, o contribuinte poderá contatar a Receita Federal pelos canais de comunicação disponibilizados (e-mail, chat, ouvidoria e unidades físicas). Para se informar sobre cada um desses meios de contato, basta acessar a página do órgão, clicando aqui.

Deixar uma resposta